Causa Animal Brasileira, onde esta sua moral?

Todo dia, o sol se põe em nosso passado, mas nasce para o nosso futuro. Sempre que perdemos 24 horas, ganhamos mais 24 horas. Cada novo dia nos dá uma outra chance de fazer certo as coisas, e de fazer certas coisas. A escolha só depende de nós.

A moral representa o conjunto de regras de conduta baseadas nas noções de bem e de mal. É sinônimo de ética e decência.

Quando eu optei em iniciar um trabalho em prol do bem estar animal, eu imaginei que encontraria junto as pessoas que se intitulam defensoras dos animais muito mais que uma troca de idéias e experiências, mas a aproximação com os valores e princípios pregados por seu patrono, São Francisco de Assis.

Hoje em dia, a realidade encontrada por mim é totalmente diferente da imaginada . A ideia do meu compromisso com os animais, é talvez a única inspiração, que me assegura que é preciso continuar nesta luta.

Eu acreditava que na medida que avançasse no desafio, teria mais coisas importantes para aprender e fazer, trabalhando a favor do crescimento desta nobre causa. Tornando-me cada vez mais confiante, de que conseguiria ver sendo respeitado pela sociedade os direitos dos animais.

Confesso que me encontro totalmente decepcionada. Algumas pessoas podem até contestar, mas eu acredito que se não houver urgentemente um resgate dos valores morais e éticos, estaremos nos movendo rapidamente na direção contraria a meta sonhada, ou seja , a proteção e defesa dos animais cairá num grande descrédito, o que antes era sinônimo de vontade, se transformará em frustração.


Isso ocorrerá devido a atual rapidez da comunicação e a motivação de certas pessoas em pregar que a defesa animal se faz única e basicamente, através da arrecadação de dinheiro. Conseguindo ganhos rápidos e descompromissados, sem declarar os valores financeiros obtidos e, como esta arrecadação foi devidamente aplicada em benefício dos animais.

Para que seja possível ter uma ideia do que esta realmente acontecendo, basta visitar o site www.pea.org.br, do PROJETO ESPERANÇA ANIMAL (PEA), onde existe um verdadeiro leque de opções para que o internauta possa "ajudar" no combate as crueldades.

Destacam-se: testes em animais, extração de peles, conduta das carrocinhas,animais em circo, farra do boi, tráfico de animais, rinhas, animais de tração, métodos de abate e uso de animais em ritos religiosos.

Enfatiza o caos vivido pelos animais através de fotos assustadoras e deprimentes, exibindo muito sofrimento e dor nos animais, sensibilizada, a pessoa será convidada a ajudar estes animais, bastando para isto fazer um depósito numa conta bancária no Banco Itaú ou no Bradesco.

O detalhe mais interessante, é que eles não mencionam em local nenhum do site, como será feita esta ação sobrenatural, porque humanamente, é impossível alguém conseguir resolver quase todos os problemas que afligem os animais.

Cometem, ainda, erros grotescos no fornecimento da informação, alegando que baby-beef é carne de bezerrinhos, sendo que é um tipo de corte na carne , servido em restaurantes que aplicam esta técnica, utilizando-se de carne de animais adultos, fatiando a picanha num braseiro.

A solução dos problemas acima citados, envolvem primordialmente a conscientização, o despertar das mentes e o envolvimento sentimental das pessoas, coisas que o dinheiro não compra, precisam ser conquistados, através de um trabalho sério e responsável , caracterizado pela transparência e credibilidade.

Com certeza, deve ter surgido , uma duvida em sua cabeça, mas se eles não prestam conta de nada , não existe ninguém dentro da causa animal para cobrar uma postura ética , o respeito pelo sofrimento dos animais e pela boa fé de quem fez a doação do dinheiro?

Parece que os que se dizem legítimos representantes da causa dos animais não conseguem detectar ou não querem ver a gravidade destas atitudes. Talvez não consigam enxergar que fatos como estes, terão consequências muito desastrosas, que comprometerão a essencia desta ideologia, atingindo até as próximas gerações.

As repetidas divulgações de agressões aos animais, por exemplo, são um excelente indicador, que a violência esta sendo até banalizada, enquanto muitos animais sofrem , a mídia é voltada para cuidar de um caso isolado, que depois acaba sendo punido com o pagamento de cestas básicas, dando a nítida impressão á sociedade, que no final acabou tudo em “pizza”.

Causando, também, nos que amam os animais, um sentimento enorme de impotencia, devido a expectativa criada em torno de um caso. Esta energia deveria ter sido espalhada, tentando atender e cuidar de um grande número de outras vítimas.

O clamor público só deve ser acionado para fatos que elevem a dignidade do animal, jamais para divulgar suas mazelas. Infelizmente, devemos atribuir esta terrível situação que se encontra a causa dos animais, ao amadorismo e a ignorância.

A convicção consegue derrotar as adversidades. Sem luta eu sei que não há vitória.Sem empenho não há conquistas.Mas para que isto seja possível as pessoas bem intencionadas, verdadeiras amantes dos animais, precisam se libertar da manipulação imposta pelos falsos protetores.

Os caminhos e as possibilidades precisam estar abertos para que todos consigam desenvolver suas aptidões e dar o melhor de si para esta militância. Confiem, mas verifiquem, sempre , quando fizerem qualquer tipo de doação em dinheiro.

Depositem na causa seu coração e não apenas seu dinheiro , para que a causa animal não acabe se perdendo no tempo e no espaço.


Fonte: Vininha F.Carvalho

Fonte: http://www.animalivre.com.br/home/?tipo=noticia&id=1257

Nenhum comentário:

Postar um comentário